Música e Cultura Digital

#DigitaliaCampusHacker: ocupação sonora e visual no campus da Ufba

Divulgação #DigitaliaCampusHacker

Divulgação #DigitaliaCampusHacker

O repertório cult carnavalesco do MicroTrio e da banda Retrofolia, o hip-hop com forte acento afro-baiano do Opanijé e o mix de VJ, DJ e música ao vivo do coletivo Xaréu vão ocupar o campus da Universidade Federal da Bahia no sábado (15/02). Com acesso gratuito, o #DigitaliaCampusHacker é um evento do Digitalia – Congresso/Festival/Observatório Internacional de Música e Cultura Digital. Será iniciado ao meio-dia, quando o MicroTrio arrastará o público do portão principal do campus até um palco montado na área da Biblioteca Central da Ufba. Lá ocorrerão as apresentações do Retrofolia, do Opanijé, do Coletivo Xaréu e dos DJs Môpa e Bigbross, até 20 horas.

Montado num Fiat Strada, o MicroTrio toca músicas de todos os carnavais, das marchinhas e frevos ao samba-reggae. Também dedicado ao repertório do reinado do Momo, o Retrofolia é um projeto paralelo do grupo instrumental Retrofoguetes, formado por Rex (bateria), Joe (contrabaixo), Julio Moreno (guitarra) e Morotó Slim (guitarra).

Opanijé é uma sigla para Organização Popular Africana Negros Invertendo o Jogo Excludente. O grupo de rap formado por Lázaro Erê (voz e letras), Rone Dum-Dum (voz e letras) e o DJ Chiba D (toca-discos) mobiliza samplers, efeitos, batidas eletrônicas, berimbaus e instrumentos percussivos. Promove uma mistura singular de letras sobre a cultura negra e a ancestralidade africana com cânticos de candomblé.

Autodefinido como “cardume audiovisual”, o coletivo Xaréu é composto pelos professores Cláudio Manoel aka dj Angelis Sanctus (Cinema e Audiovisual/Artes Visuais), Danillo Barata (Cinema e Audiovisual/Artes Visuais), Marina Mapurunga (Cinema e Audiovisual) e Jarbas Jácome (Artes Visuais), com participações especiais de Flavio Santos (trompete) e Geraldo Cachoeira (Tuba). Suas performances são marcadas por experimentações nos terrenos da imagem e da música.

O set list do DJ Bigbross inclui rockabilly, country, blueGrass, swing, bigbands, garage 60 entre outros gêneros. O DJ Môpa faz parte do staff do grupo Pragatecno/Salvador. Suas mixagens incluem house music e música brasileira, principalmente samba-rock.

#DigitaliaCampusHacker
15 de fevereiro (sábado)
Das 12h às 20h
Campus da UFBA em Ondina
Entrada Franca